Dez dados imperdíveis para planejar campanhas mobile em 2018

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

O começo de ano pode significar um período de descanso para muitas pessoas. No entanto, para um grande número de profissionais na área do marketing este é o período de pensar o futuro e planejar as ações para as marcas que representam. Deste ponto de vista, não é possível mais pensar em iniciativas de marketing sem levar em consideração o comportamento do usuário brasileiro no mobile.

Ao analisar o estudo The Global Mobile Report, realizado pela comScore, alguns dados chamam a atenção sobre a maneira como os brasileiros se comportam com os smartphones em mãos, como:
* o elevado tempo de navegação e o total gasto em aplicativos;
* o ganho de relevância do mobile em sites de e-commerce;
* e o destaque da categoria viagens; entre outras conclusões.

Dez dados imperdíveis para planejar campanhas mobile em 2018

Compartilho abaixo 10 pontos de destaque do estudo:

  • O Brasil é o segundo país em minutos no celular por pessoa: 4.489 minutos em média;
  • 29% dos brasileiros navegam pela internet apenas pelo celular;
  •  As mulheres são mais propensas do que os homens a serem usuárias de internet exclusivamente mobile;
  • O mobile representa 73% do tempo on-line do brasileiro;
  • O público exclusivamente mobile no Brasil cresceu 7% em relação ao ano anterior;
  • 30 aplicativos principais são responsáveis por 51% do tempo do brasileiro no mobile;
  • 95% do tempo é gasto nos 10 principais apps do usuário;
  •  A categoria de aplicativos que mais cresce é a de viagens, com aumento de 150% em 2017;
  •  Do tempo total mobile, 33% é destinado a redes sociais e mensagens instantâneas;
    ·
  • No e-commerce, o celular ultrapassou o computador com 60% do tempo em sites deste segmento.


Os dados confirmam a tendência de que caminhamos para tempos ainda mais mobile em 2018 e 2019 no mundo, e no Brasil não é diferente. Por isso, é preciso ter uma visão clara de como se comunicar com o usuário neste ambiente, em suas diferentes atividades. O estudo mostra também o quanto a navegação do brasileiro está concentrada em poucos aplicativos.


O seu negócio está voltado para dispositivos mobile? Comente a baixo

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Posts Relacionados:

Utilizamos Cookies para melhorar sua experiência, ao continuar você aceita nossa política de privacidade.