3 Práticas ruins de cibersegurança que você deve parar imediatamente!

Quem trabalha com muitas informações diariamente, acaba se esquecendo da sua segurança cibernética e acaba enfrentando muitos desafios no trabalho. Aqui estão algumas práticas ruins que se deve evitar para não perder seus dados e ter um dia de trabalho eficaz.

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

É muito fácil cair em rotinas com práticas ruins – especialmente quando essas práticas tornam sua rotina mais fácil ou induzem você a pensar que está fazendo algo que vale a pena. Muitas empresas praticam maus hábitos de segurança cibernética sem nunca perceberem o que estão fazendo de errado ou como se colocam em risco de serem vítimas de diferentes ameaças à segurança cibernética.

Para te ajudar a reconhecer essas práticas, aqui está uma lista com as piores práticas de segurança cibernética que você deve parar imediatamente:

3 Práticas ruins de cibersegurança que você deve parar imediatamente!

1º Atitude Descuidada ou Negligente em Relação a Ameaças e Vulnerabilidades Cibernéticas

Uma das piores práticas de cibersegurança em que uma empresa pode cair é assumir que eles são a exceção à regra de que “todos são alvos e ninguém é imune a ataques”. Eles acham que são pequenos demais para serem alvo de um ataque sério ou grandes demais para serem afetados. Portanto, acabam adotando uma atitude pouco formal em relação às ameaças cibernéticas emergentes.

Como consequência, quando um invasor os atinge e consegue, não estão totalmente preparados para lidar efetivamente com as consequências. Além disso, como eles não estão atualizados com suas medidas de segurança, é mais provável que os ataques sejam bem-sucedidos.

A melhor solução para essa prática ruim é levar a sério a segurança cibernética de sua empresa, mantendo-se sempre informado das mais recentes ameaças cibernéticas e das melhores estratégias para combatê-las.

3 Práticas ruins de cibersegurança que você deve parar imediatamente!

2º Pensar que Soluções Básicas Serão Suficientes

Muitas empresas assumem que tudo o que precisam é da segurança mínima necessária para alcançar a conformidade e a segurança necessária. adotam soluções básicas de segurança cibernética e as deixam sem qualquer avaliação adicional de seu perfil de risco específico ou de novos e emergentes sinais de ameaças cibernéticas.

O resultado final é que, quando os ataques cibernéticos começam esses atacantes, geralmente conseguem superar facilmente as medidas mais básicas de segurança cibernética e atacam impunemente.

3 Práticas ruins de cibersegurança que você deve parar imediatamente!

3º Tratando a Cibersegurança como uma “Caixa Preta”

Nem todo mundo pode ser um especialista em segurança cibernética. No entanto, mesmo sem um diploma em segurança de rede, não há razão para tratar a segurança cibernética como algum tipo de tecnologia “caixa preta” que não pode ser medida, gerenciada ou aprimorada.

Só é preciso alguma empresa especializada com consultores preparados para redirecionar a sua empresa no caminho adequado.

Se precisar de ajuda para acabar com alguma dessas práticas ruins, entre em contato conosco hoje e fale com nosso time comercial, iremos ajudá-lo a encontrar maneiras de melhorar sua estratégia de segurança cibernética, para que você possa se concentrar em cumprir suas metas de negócios!

3 Práticas ruins de cibersegurança que você deve parar imediatamente!

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no email

Posts Relacionados:

Utilizamos Cookies para melhorar sua experiência, ao continuar você aceita nossa política de privacidade.